With Borders

No Borders

22/08/2013

SECRETARIA DE COMÉRCIO E SERVIÇOS DIVULGA O PANORAMA DO COMÉRCIO INTERNACIONAL DE SERVIÇOS 2013

A Secretaria de Comércio e Serviços lança a edição de 2013 de sua publicação anual de estatísticas, o Panorama do Comércio Internacional de Serviços. Elaborado com apoio do Banco Central do Brasil, o Panorama tem como objetivo ampliar a fonte de informações sobre o comércio exterior de serviços, dando maior visibilidade econômica ao setor, além de auxiliar as negociações internacionais e a gestão de políticas públicas.


O Panorama do Comércio Internacional de Serviços 2013 apresenta novo formato, reunindo as estatísticas do comércio exterior brasileiro de serviços por capítulos temáticos, como a evolução da Balança Comercial de Serviços brasileira e suas contas, o desempenho brasileiro no cenário mundial, os principais parceiros comerciais, o desempenho por porte e setor de atividade econômica das empresas e por unidade federativa, além de uma visão geral do setor de serviços na economia brasileira.


O setor terciário responde atualmente por 68,5% do PIB brasileiro e por 78,4% dos empregos formais no país. Apesar de o comércio de bens ser preponderante na balança comercial, a participação do setor de serviços tem aumentado gradativamente nos últimos anos. O período de 2008 a 2012 registrou um aumento de 32,3% das exportações brasileiras em serviços, o que ampliou a participação de serviços de 12,7% para 13,5% do total das exportações brasileiras. O déficit em serviços, no entanto, também teve aumento significativo, chegando a US$39,6 bilhões em 2012, devido ao crescimento das importações no período.


Em resposta aos desafios enfrentados pelo setor de serviços brasileiro e seu potencial de inserção na economia mundial, a Secretaria de Comércio e Serviços conta ainda com outras iniciativas para aperfeiçoar a formulação e o monitoramento de políticas voltadas ao setor. Dentre essas iniciativas, destacam-se o Siscoserv - Sistema Integrado de Comércio Exterior de Serviços Intangíveis e Outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio, que registra as operações do comércio exterior de serviços e intangíveis do País, e a NBS - Nomenclatura Brasileira de Serviços, Intangíveis e Outras Operações que Produzam Variações no Patrimônio.


Tais iniciativas possibilitarão o mapeamento preciso das vantagens e necessidades do setor de serviços no Brasil, contribuindo para a calibragem das políticas públicas voltadas para o setor, inclusive os mecanismos de apoio às exportações."

Fonte: Fonte: MDIC