With Borders

No Borders

20/04/2012

EXPORTAÇÕES DE COOPERATIVAS CRESCEM 6,5% ATÉ MARÇO, APONTA MDIC

Resultado é o maior desde o início da série histórica, em 2006.

As exportações das cooperativas brasileiras atingiram US$ 1,293 bilhão até março, superando em 6,5% o valor exportado em 2011, informou o levantamento do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).
O resultado é o maior desde o início da série histórica, em 2006. A balança comercial das cooperativas obteve superávit de US$ 1,238 bilhão, superando em 6,3% o resultado do mesmo período de 2011 (US$ 1,165 bilhão). A corrente do comércio das cooperativas subiu 6,8%, para US$ 1,347 bilhão.
O destaque de exportações foi o açúcar refinado, com 23% do total, somando US$ 297,3 milhões, seguido pelo café em grãos, com US$ 177,5 milhões, representando 13,7% das exportações. Também tiveram relevância o farelo de soja, pedaços e miudezas comestíveis de frango e soja em grãos.

Estados


No primeiro trimestre de 2012, o estado do Paraná registrou o maior valor de exportações de cooperativas, com US$ 419,9 milhões, representando 32,5% do total das exportações deste segmento. Em seguida estão São Paulo (US$ 350 milhões), Minas Gerais (US$ 191,7 milhões), Santa Catarina (US$ 103 milhões) e Rio Grande do Sul (US$ 101,4 milhões).
Em relação ao valor das importações, o destaque ficou com o estado do Paraná, com US$ 26,5 milhões e 48,5% do total das importações deste segmento, seguido por Santa Catarina (US$ 12,4 milhões), Rio Grande do Sul (US$ 4,6 milhões); Mato Grosso (US$ 3 milhões); Minas Gerais (US$ 1,2 milhões); São Paulo (US$ 707,3 mil) e Mato Grosso do Sul (US$ 488,3 mil).

Fonte: Ultimo Instante.