With Borders

No Borders

11/06/2012

GOVERNO COLOCA 34 ALVOS NA MIRA DOS EXPORTADORES

O governo quer potencializar a estratégia de promoção comercial para intensificar as exportações brasileiras, principalmente de manufaturados, a despeito da crise e o consequente arrefecimento do comércio mundial. A Estratégia Nacional de Exportações - documento ainda inédito do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) ao qual o Brasil Econômico teve acesso - traz panorama da economia de vários países, inclusive com o grau de dinamismo de suas trocas comerciais com o mundo.
Com base nisso foram escolhidas como foco para ações de incentivo às vendas de produtos verde-amarelos nações cujo potencial de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) e de importações até 2014 se assemelha à gigante asiática China. Entre eles estão os vizinhos Colômbia e Peru, com perspectiva de expansão média estimada em 6,1% e 7,3%, respectivamente. Há ainda o Catar, cuja projeção de alta está em 7,88%, e a Nigéria, com 8,4%, classificados como mercados dinâmicos em relação à média global. Até mesmo a Romênia (5,7%) desbancou outros países maiores da União Europeia e foi eleita para ações promocionais por sua capacidade de compras de produtos estrangeiros.

Fonte: Em tempo Real.