With Borders

No Borders

13/08/2012

ESPÍRITO SANTO GANHA 1º MAPA ESTRATÉGICO DO COMÉRCIO EXTERIOR

O Espírito Santo é o primeiro estado do País a ter o Mapa Estratégico do Comércio Exterior. O documento, que estabelece estratégias para o desenvolvimento do setor exportador de cada estado, foi lançado na quinta-feira por Tatiana Prazeres, secretária de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), e Renato Casagrande, governador do estado, durante o Encontro de Comércio Exterior Empresarial (Encomex Empresarial), realizado no Centro de Convenções de Vitória, na capital capixaba. Os mapas vão compor o Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE), feito em parceria com instituições governamentais, federais e estaduais e da iniciativa privada.
“Em 2011, a participação das exportações do Espírito Santo no Produto Interno Bruto (PIB) foi de 28,6%. Em relação às exportações totais do País, esse percentual foi apenas de 10,3%. Isso mostra o quanto o comércio exterior é importante para a economia capixaba”, disse Prazeres, destacando a internacionalização da economia capixaba. Segundo a secretária, os artigos capixabas que têm maior potencial de exportação são móveis, frutas, chocolates, café solúvel, pedras ornamentais e produtos siderúrgicos.
De acordo com informações da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e Empreendedorismo (Aderes), as MPEs representam 82% de todas as empresas capixabas exportadoras. Mas, no que se refere a valor, eles respondem apenas por 4% do que é comercializado. Durante o Encomex Empresarial em Vitória, foram organizadas reuniões com especialistas em mercados (rodada com tradings), coordenadas pela Apex-Brasil, e encontros de negócios comandados pelo Sebrae-ES. Nos estandes das instituições parceiras, os frequentadores puderam ainda conferir uma exposição de artesanato local promovida pelo Sebrae-ES.
O objetivo do Encomex Empresarial é expandir a pauta nacional de exportação em quantidade, qualidade e variedade, promovendo acesso às informações sobre as políticas, ações e estruturas relacionadas ao comércio exterior. A programação é direcionada às pequenas e médias empresas, que têm oportunidade de solucionar dúvidas, ampliar conhecimentos, atualizar informações e acessar novos mercados para produtos e serviços. Segundo o MDIC, mais de 800 empresários se cadastraram para participar do evento. O próximo Encomex será realizado em Bento Ribeiro, no Rio Grande do Sul, em 29 de novembro.
“O Encomex é fundamental para que os empresários obtenham informações relevantes sobre o mercado exterior”, afirmou José Eugênio Vieira, superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) no Espírito Santo. Para o governador Renato Casagrande, o Espírito Santo “tem uma vocação histórica para o comércio exterior como via de escoamento de mercadorias do eixo produtivo Oeste-Leste do País”. Casagrande avalia, contudo, que o estado tem o desafio de melhorar a sua infraestrutura para aproveitar o seu potencial exportador.

Fonte: Banco do Brasil.