With Borders

No Borders

22/08/2012

PRÉVIA DA INFLAÇÃO OFICIAL TEM ALTA EM AGOSTO

Em agosto, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) obteve uma variação de 0,39%, superando a taxa do mês de julho que fechou em 0,33%.
O acumulado do ano ficou em 3,32%, inferior a igual período de 2011 (4,48%). Na perspectiva dos últimos 12 meses, o IPCA-15 ficou em 5,37%, acima dos 12 meses imediatamente anteriores (5,24%). Em julho de 2011, a taxa havia sido de 0,27%.
O tomate (de 29,30% para 36,65%) continuou a liderar o ranking dos principais impactos no índice do mês, com 0,09 ponto percentual. Além dele, outros alimentos se apresentaram em alta.
É o caso da cenoura (de 13,63% para 19,37%), refrigerante fora do domicílio (de 0,47% para 1,84%), cerveja fora do domicílio (de 1,21% para 1,76%), lanche (de 1,68% para 1,66%),óleo de soja (de 1,15% para 1,17%), macarrão (de -0,28% para 1,02%), frango (de -1,30% para 1,01%), arroz (de 0,33% para 0,91%) e refeição (de 0,57% para 0,72%). O pão francês (de 1,67% para 0,86%), mesmo perdendo força em relação a julho, se apresentou em alta e exerceu pressão sobre o índice.

Fonte: Economia SC.